Search
Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais

A Paisagem Social no Planejamento da Restauração: Estudos de caso sobre o papel da governança no sudeste do Brasil.

Este Relatório é uma parceria da WRI-Brasil com IEE-USP e NEPAM-UNICAMP.

 

Este relatório apresenta dados que apoiam a estruturação e o fortalecimento de espaços participativos e equitativos para avançar a agenda da restauração ao avaliar as estruturas de governança em três territórios brasileiros. Além disso, aponta os principais achados e traz recomendações de como redes sociais bem estabelecidas podem acelerar a implementação da Restauração de Paisagens e Florestas. 

Pessoas são centrais na implementação da restauração de paisagens e florestas. O sucesso ou fracasso da restauração depende de como as pessoas agem em relação ao território e umas com as outras, ou seja, como elas governam sua paisagem.

A governança na restauração de paisagens e florestas tem um papel fundamental para que se obtenha o ganho de escala necessário ao alcance das metas globais de restauração. É estratégica para o fortalecimento de fatores-chave que garantam o sucesso das ações em determinada paisagem.

Os resultados apresentados nesta publicação, referentes a três regiões no sudeste do Brasil, buscam contribuir para discussões e ações de restauração no país. Demonstram como a governança está estabelecida nas áreas estudadas, quais lacunas precisam ser vencidas e como os atores sociais, com atuação em diferentes escalas, podem contribuir para que a restauração seja inclusiva, justa e potencialmente escalonável.

 

O Relatório Completo e o Sumário Executivo do Relatório está disponível para download no site da WRI-Brasil:
https://www.wribrasil.org.br/publicacoes/paisagem-social-no-planejamento-da-restauracao

E o artigo de lançamento site WRI-Brasil:
https://www.wribrasil.org.br/noticias/restauracao-so-sera-efetiva-se-pessoas-estiverem-no-centro-do-processo