Search
Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais

Tragédia Mineira – Brumadinho – MG

[embedyt] https://www.youtube.com/watch?v=hjFn8jq6QF8[/embedyt]

 

A entrevista aqui apresentada tem como objetivos de esclarecer e propor algumas solucione cientificas de solidariedade na obtenção dos dados gerais do desastre e na análise do processo das, suas características e seus efeitos sociais e culturais.

O professor Jefferson faz parte CENACID, o Centro de Apoio Científico à Desastres. Este centro, que congrega pesquisadores de 12 universidades brasileiras, tem bastante experiência em desastres. As respostas obtidas dão uma visão clara das observações in loco ao longo de toda a bacia do Córrego do Feijão, desde o rompimento da barragem até a foz dele no rio Paraopebas.

Assim como também a repercussão obtida na reunião realizada no dia, 11/02/2019, no Auditório da (GGBS) na Unicamp, e que reuniu a comunidade acadêmica, técnicos, funcionários além de representantes de entidades ligadas a diferentes áreas do conhecimento interessados em colaborar. Identificar competências e organizar grupos de áreas afins para realizar pesquisas e estudos relacionados ao rompimento da barragem em Brumadinho, MG. Esse trabalho mais qualitativo nesse primeiro momento teve o objetivo de qualificar a magnitude do impacto.

Um cronograma preliminar definirá os próximos encaminhamentos. Uma nova reunião deve ocorrer em meados de março, já com os grupos formados para definir os passos seguintes. O Professor Jefferson Picanço avaliou o evento de forma positiva. “Nesse primeiro encontro ocorreram às declarações de apoio e intenção”.

Devemos agora aprofundar conversas. “Vamos separar grupos distintos de pesquisadores para trabalhar em coisas mais específicas para caminhar de uma maneira mais assertiva”, finalizou.

 

Tragédia Mineira – Brumadinho – MG

Entrevista Conduzida por: Marco Túlio Câmara – IEL/UNICAMP

Produção e Imagens: Laboratório Multiusuário de Comunicação – TERRAMÃE – NEPAM /UNICAMP